quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

The Automatics



















Conheça o The Automatics, velha conhecida pelo publico rock independente de Natal e uma das bandas mais produtivas do rock potiguar, a banda sera uma das atrações do Dezembro Noize no dia 20 de dezembro. o curioso é que sera a segunda apresentação da banda no Centro Cultural Dosol.


confira o release da banda

formado em meados de 2002, The Automatics lançou no mesmo ano o CD/EP “Desert music for visible enemies” (Solaris Discos) que continha cinco faixas próprias. Logo, o trio foi convidado para participar com a faixa inédita “Sunday attack” da coletânea em CD “Nasentocas vol. 4”, do fanzine eletrônico pernambucano Nasentocas.

Em março de 2004, o grupo concluiu o primeiro CD triplo do rock independente brasileiro, intitulado “More senseless” (Solaris Discos), tematicamente dividido em um disco acústico, um elétrico e um com experimentações eletrônicas, totalizando 33 faixas de autoria da banda.
O trio, que hoje conta com Alexandre Alves (vocal / baixo), Henrique Pinto (guitarra / backing vocal ) - este último concorreu na categoria “Instrumentista Revelação” no Prêmio Hangar 2003 - e Augusto Cézar (bateria), já foi destaque na imprensa local e nacional, que acabaram destacando o rock barulhento e melodioso dos Automatics. O trio acabou recebendo destaque no Jornal da MTV (23/03/04) quando a emissora cobriu o Festival Mor-Março (João Pessoa/PB), assim como também na cobertura do MADA 2004(maio / junho).

Em julho de 2004, a banda lançou um novo trabalho, desta vez um cd dividido com a banda pernambucana Mellotrons. O cd “Horizon” mostra cinco faixas novas dos Automatics, com o trio exibindo seus refrões bombásticos em meio a faixas como “Distant point” e “Everlost”, esta última com um videoclipe participante na Mostra de Cinema do festival MADA 2005.

Em 2005 concorreram na categoria Revelação no Prêmio Claro de Música Independente, antigo Prêmio Dynamite, e em julho estiveram em São Paulo para sua primeira turnê pelo sudeste brasileiro, onde fizeram seis apresentações em dez dias nas principais casas de shows para bandas independentes da capital paulista.

Ainda em 2005 o trio participou na coletânea “Na poeira solar” (Solaris Discos) com duas faixas inéditas, compilação esta, que conta com várias bandas nordestinas, lançada em junho de 2005, e também lançou um disco acústico, “More senseless – acoustic sessions”, disco esse que contém faixas extraídas do disco acústico presentes em “More Senseless” de 2004, com o acréscimo de algumas novas composições.

Em 2006 os Automatics lançaram mais um disco, “Crepuscular”, durante o festival MADA - Música Alimento da Alma, em Natal/RN.
Após o festival a banda fez algumas apresentações em festivais locais e decidiu tirar umas férias - que acabaram se tornando longas demais gerando dúvidas sobre a existência/continuidade das atividades.

Agora, em 2008, o trio retorna com mais um ep, "post_ficion", recheado de novas canções, talvez menos barulhentas mas com a mesma característica presente em sua trajetória desde a sua fundação - violões + guitarras distorcidas + vocais melodiosos + rock inglês puro e direto.


DISCOGRAFIA:

- Desert music for visible enemies (05 faixas, novembro 2002)
- Nas Entocas Volume 4 (coletânea, 01 faixa, setembro 2003)
- More senseless (cd triplo, 33 faixas, março 2004)
- Horizon (cd dividido com a banda Mellotrons, 05 faixas, julho 2004)
- Na poeira solar (coletânea, 02 faixas, junho 2005)
- More senseless - acoutstic sessions (11 faixas, outubro 2005)
- Crepuscular (10 faixas, maio 2006)
- post_fiction (08 faixas, março 2008)


formação?

Alexandre Alves - baixo / vocais / guitarra / harmonica
Henrique Pinto - guitarra / violão / baixo vocais / loops / keyboards
Augusto C. Tavares - bateria


como escutar?

TramaVirtual - The Automatics

Myspace - The Automatics





2 comentários:

Tremendo disse...

muito bom!!! bom mesmo!!!
abraços!!

10 de dezembro de 2008 15:19
Valeria disse...

É O MELHOR! É O MELHOR! É O MELHOR!

11 de dezembro de 2008 16:49